Reunião aconteceu com a deputada federal Leandre Dal Ponte e o coordenador da Bancada Federal Paranaense

A deputada Leandre (PV-PR) participou, na manhã de hoje (25), de uma reunião com representantes do Pequeno Cotolengo, instituição paranaense que acolhe pessoas com deficiências, que foram abandonadas por suas famílias, sofreram maus tratos ou viviam em situação de risco.

A instituição apresentou o projeto de construção de um Centro de Reabilitação com um custo estimado em R$ 7 milhões. O Centro é uma demanda antiga na cidade de Curitiba e região, e após o início da pandemia de Covid19, tem crescido significativamente a demanda de fisioterapia e reabilitação para pacientes que sobreviveram a Covid19 e ficaram com sequelas.

Estiveram presentes na reunião virtual o Padre Renaldo Amauri Lopes, diretor da instituição, e o coordenador da Bancada Federal do Paraná, deputado Toninho Wandscheer. Além da equipe de trabalho da deputada Leandre, e do diretor executivo do Pequeno Cotolengo, Diogo Azevedo.
 
“O período pós-pandemia terá um grande número de pessoas necessitando de reabilitação física e pulmonar. Diante desta realidade, entramos em contato com a deputada Leandre e apresentamos o projeto de um centro especializado de reabilitação, pois já temos notícias de pessoas com sequelas respiratórias e motoras, decorrentes da doença”, afirmou o padre Renaldo.

A deputada federal Leandre e o deputado federal e coordenador da Bancada do Paraná, Toninho se comprometeram em apresentar a proposta aos demais parlamentares do Estado, no sentido de buscar apoio  e viabilizar o projeto.

"É uma iniciativa muito importante do Pequeno Cotolengo, com visão de futuro. Somos parceiros deste projeto desde o início e vamos lutar para conseguir os recursos necessários para viabilizar a obra", afirmou leandre

Padre Renaldo agradeceu à deputada por intermediar a reunião com o coordenador da Bancada, para que eles também pudessem apresentar o projeto. “O deputado Toninho também entendeu a importância deste Centro, que vai atender aqueles que mais necessitarem de reabilitação pelo sistema SUS”, completou.

Segundo o Padre, a expectativa é que o projeto saia do papel de forma muito rápida. “Dia 25 de Março o Pequeno Cotolengo completou 56 anos de fundação. E tivemos a graça de ter esse encontro com a deputada Leandre e com o deputado Toninho. Nós conseguimos sentir o carinho e o apreço que a deputada Leandre sempre teve conosco, pelas causas sociais e pela saúde das pessoas. Isso, para nós, é motivo de festa”, concluiu.
Fonte: Assessoria de Imprensa
Link Encurtado:
https://bit.ly/31gupjw