A deputada paranaense é relatora do projeto que tramita na Câmara dos Deputados; para ela, é necessário proteger o idoso e não apenas criar mais uma modalidade de mercado

A Comissão dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara dos Deputados realizou uma audiência pública, nesta segunda-feira (26), para debater o Projeto de Lei 3096/19, que institui o sistema de hipoteca reversa para idosos. A deputada Leandre é relatora da proposta e apresentou um parecer favorável ao PL com substitutivo. Ela participou da audiência pública, transmitida pela internet.

A matéria permite que pessoas idosas possam vender as casas em que moram sem precisar deixar o imóvel. Pelo texto, o comprador da casa fica responsável por repassar uma renda mensal vitalícia ao idoso, na garantia de tornar-se proprietário do imóvel no futuro.

Dentre os especialistas que ajudaram a trazer luz sobre o tema, a deputada Leandre Dal Ponte (PV-PR) ponderou que o objetivo da proposta deve proteger o idoso e não apenas criar um mercado, onde o setor financeiro seja privilegiado.
 

“Muitas vezes, mesmo após um capital acumulado em uma vida inteira, a família não consegue suprir as necessidades de uma pessoa idosa, que além de ter menos ganhos, tem mais gastos com questões relacionadas à saúde, por exemplo”, observou a parlamentar.


Leandre elogiou a iniciativa de promover um debate sobre o tema. Segundo ela, a proposta merece todo o cuidado e atenção. “Que seja uma nova forma do idoso garantir uma renda em vida”, finalizou.




Assista à fala da deputada durante a audiência pública:




Fonte: Assessoria de Imprensa
Link Encurtado:
https://bit.ly/3vrrGBb